“Coragem, levanta-te, Jesus te chama!”

O Evangelista Marcos 10,46-52 neste domingo 24/10 relata o momento decisivo da vida de Bartimeu. Um encontro pessoal e direto com Jesus intermediado por outras pessoas que caminhavam com Ele passando por Jericó. A cegueira de Bartimeu fez dele um homem marginalizado, um mendigo à beira do caminho. Estava isolado duplamente: por não ver, não estar e caminhar com os outros. A estrada é meio de comunicação, lugar de passagem, lugar para aqueles que veem, trabalham e tem pressa para chegar.  O único contato que Bartimeu tem com os outros é na forma de dependência pelas esmolas. É uma relação de benfeitor e beneficiado. Estava condenado a uma passiva resignação.   Porém, um imprevisível encontro começou a mudar a sua…

Ler mais

Mês das Missões

A Igreja peregrina é por sua natureza missionária pois ela se origina da missão do filho e da missão do Espírito Santo, segundo desígnio de Deus Pai (Ad Gentes2). Uma profecia. Isaías tem 4 cânticos sobre o servo sofredor. Quem é este misterioso personagem, cuja missão, somente, no Novo Testamento, fica bem esclarecida? É Jesus Cristo, o verdadeiro servo de Deus: que veio oferecer sua vida, para a salvação da humanidade pecadora. Ele é obediente a Deus, humilde, justo e fiel. Vai ser julgado e condenado à morte, mas haverá de vencer, pois cumprirá fielmente sua missão como Messias prometido. Uma identificação….

Ler mais

Ouvir e praticar a Palavra

“Muito mais felizes são aqueles que ouvem a palavra de Deus e a põem em prática” (Lucas 11,28). Enquanto aquela mulher, em alta voz, exaltava o ventre que trouxe Jesus e os seios que O amamentaram, proclamando essa feliz bem-aventurança, porque, de fato, bendita seja Ela, a Virgem Maria, como a própria Isabel a assaltou: “Feliz és tu que trouxeste para mim a mãe do meu salvador”. Então, Maria é feliz, é bendita, Bem-aventurada, é agraciada porque nos trouxe Jesus, mas ela é muito mais ainda Bem-aventurada e muito mais feliz porque não só trouxe Jesus, mas foi a primeira…

Ler mais

São Vicente de Paulo

“Amarás ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma e espírito e amarás ao teu próximo como a ti mesmo” (Mt 22,37-39). Se não foi o lema da vida deste santo, viveu como se fosse. São Vicente de Paulo nasceu em 24 de abril de 1581, na aldeia de Pouy, nas “Landes”, França. Seu pai se chamava João de Paulo, e sua mãe Bertranda de Moras. Tinham uma pequena propriedade de que tiravam a subsistência para a família, composta de seis filhos. Vicente que era o terceiro filho, trabalhava no campo com o pastoreio dos…

Ler mais

Quer se destacar? Sirva!

“Eu entendo a vida como uma competição para abrir espaço para mim mesmo às custas dos outros ou acho que se sobressair significa servir? E, concretamente: dedico tempo a algum “pequeno”, a uma pessoa que não tem meios para retribuir? Eu cuido de alguém que não pode me retribuir ou apenas de meus parentes e amigos?”: perguntas a nos fazermos, sugeriu o papa Francisco. Quer se destacar? Sirva! E justamente esta frase pronunciada pelo Mestre marca uma inversão nos critérios daquilo que realmente importa: O valor de uma pessoa não depende mais do papel que ela desempenha, do sucesso que…

Ler mais

O testemunho de fé dos leigos no mundo!

Estimados irmãos e irmãs em Jesus Cristo! Neste mês vocacional, não poderíamos deixar de recordar e celebrar a vocação de leigos e leigas na vida da Igreja, tendo presente que eles são os grandes protagonistas na Igreja em nossas comunidades. O Concílio Vaticano II é um marco na vida da Igreja, porque marcado por um olhar sobre o passado, tendo presente o caminho percorrido, mas também por um olhar de esperança em relação ao futuro, lembrando que o Reino de Deus vai sendo construído na realidade da vida do Povo de Deus, com suas alegrias e provações. O Concílio também…

Ler mais

O Senhor é meu Pastor

Ao celebramos o 16º Domingo do Tempo Comum (2021), acolhemos a mensagem que a Palavra de Deus nos traz, reconhecendo a bondade e a preocupação de Deus em nos conduzir sempre no caminho do bem, fazendo-nos superar nossas fragilidades e sofrimentos, dores e angústias. Com seu amor renova nossas alegrias e esperanças. (…) No Evangelho vemos os discípulos que voltam a Jesus depois de realizarem uma missão. Cansados e abatidos precisam de descanso. Sentindo isso, Jesus os convida: “Vinde sozinhos para um lugar deserto e descansai um pouco”. Mas ao se deparar com uma multidão que os seguem, Jesus sente…

Ler mais

Um convite para sonhar juntos

Com muita frequência o Papa Francisco fala dos seus sonhos. Utilizando esse recurso, ele se aproxima de cada pessoa, pois sonhar faz parte do viver. Na Exortação Apostólica Evangelli gaudium, texto em que o Papa abre perspectivas para uma nova etapa evangelizadora, ele diz numa das passagens: “Sonho com uma opção missionária capaz de transformar tudo, para que os costumes, os estilos, os horários, a linguagem e toda a estrutura eclesial se tornem um canal proporcionado mais à evangelização do mundo atual que à autopreservação. A reforma das estruturas, que a conversão pastoral exige, só se pode entender neste sentido: fazer…

Ler mais

As atitudes de Jesus

Jesus ouviu clemente, o pedido de Jairo, o pai aflito, cuja filha morrera e o da mulher com hemorragia, curando-a (Mc 5.21-43). Jesus não veio para fazer show, mas para ser o grande sinal de amor do Pai. Veio para transformar o mundo. Foi sensível ao pedido da mulher com hemorragia. Reinseriu-a na comunidade. Deixou-a, certamente, muito feliz. No caso da filha de Jairo, ele não permitiu, e com razão, que entrassem no quarto, se não os pais e os três discípulos. Nem mesmo levou os 12. Somente os três mais chegados a Ele. (…) Queria, evangelizando, mostrar quem era. Não…

Ler mais

A beleza do matrimônio

O Santo Padre dedica a intenção de oração do mês de junho à beleza do matrimônio. “É uma viagem trabalhosa, por vezes difícil, chegando mesmo a ser conflituosa, mas vale a pena animar-se. E nesta viagem de toda a vida, a esposa e o esposo não estão sozinhos; Jesus os acompanha”, diz Francisco. E complementa: “Será verdade o que alguns dizem, que os jovens não querem se casar, especialmente nestes tempos tão difíceis? Casar e partilhar a vida é algo maravilhoso”. Esse questionamento ecoa as dificuldades e complicações que muitas famílias e casamentos tiveram durante a pandemia. A taxa de…

Ler mais