Pastoral da Liturgia PDF Imprimir E-mail

 

A palavra "liturgia" significa originalmente "obra pública", "serviço da parte do povo e em favor do povo". Na tradição cristã, ele quer significar que o povo de Deus torna parte na "obra de Deus". Pela Liturgia, Cristo, nosso redentor e sumo sacerdote, continua em sua Igreja, com ela e por ela, a obra de nossa redenção.

Partindo do sentido da palavra “liturgia” como trabalho, serviço exercido em favor da comunidade, temos a certeza de que é a melhor obra de Deus em favor do povo. A liturgia de Deus, portanto, continua. E essa liturgia a gente celebra, pois o próprio Jesus nos pediu: “Façam isto em memória de mim.”

Em nossa comunidade a Pastoral de Liturgia cuida da preparação de todas as Celebrações Eucarísticas ao longo do Ano Litúrgico. O Ano Litúrgico - tempo que marca as datas dos acontecimentos da História da Salvação - começa no 1º domingo do Advento (preparação para o Natal) e termina no último sábado do tempo comum, que é na véspera do 1º domingo do Advento.

A Pastoral conta com 6 (seis) equipes: quatro responsáveis pela preparação das missas dominicais e as solenidades,  uma equipe pela missa da Ressurreição, realizada às segundas feiras e a sexta equipe responsável, juntamente com a Pastoral da Saúde, pela Tarde da Misericórdia.

Cada equipe se reúne, pelo menos, com duas semanas de antecedência para elaborar o roteiro das missas. Os dias de reunião variam de acordo com as possibilidades dos membros e/ou da necessidade das celebrações.

As atividades são variadas e diversas, como: selecionar as orações; redigir os comentários; escolher os símbolos mais apropriados e a ornamentação da Igreja; selecionar as vestes; definir a iluminação mais adequada para cada momento; digitar o roteiro da celebração; elaborar o “power point” da celebração para projeção no “data show”; confeccionar lembranças para a comunidade nas datas mais significativas da liturgia; preparar o ambiente celebrativo e convidar as pessoas da comunidade a participarem dos diferentes momentos: leituras, procissões, orações dos fiéis e muitos outros.

Para maior unidade entre as equipes, realiza-se na segunda terça-feira de cada mês a reunião de formação com o Pároco.

A Pastoral convida a Comunidade do Santuário a procurar-nos, antes ou após as missas, para conhecer este serviço missionário, extremamente gratificante.

A unidade da Igreja não é uniforme, mas comunhão na adversidade: “Muitos membros unidos num só corpo.” (1Cor 12,12)

 

Mais informações, por favor, clique aqui e entre em contato conosco.

(Atualizado em agosto de 2014).